Email |
Jacareí *
 
NOTÍCIAS
Automóveis
Aviação
Consumidor
Cultura
Economia
Editorial
Educação
Emprego
Esportes
Estradas
Imóveis
Indústria
Internacional
Meio Ambiente
Polícia
Política
Religião
Saúde
Social
Trânsito

Alternative content



Alternative content



Alternative content



 
14/08/2012 15:40 - Foto:  

POLíCIA


Delegado pede a população para que intensifique as denúncias

A medida visa localizar criminosos na cidade com mandado de prisão expedido pela justiça



O delegado assistente da Seccional de Polícia, Tális Prado Pinto falou ao JJ, que a população deveria participar mais das ações sociais para minimizar crimes ocorridos em Jacareí, inclusive de homicídio. “A forma simples e segura de não ser identificado é através dos telefones: 197, 181 e 190”, disse.

Tális observou que o medo das pessoas em se comprometer e sofrer ameaças de morte é o principal motivo para elas não procurar a polícia “e assim encontrar testemunhas que possam ajudar na elucidação destes assassinatos fica muito difícil”.   
Em menos de um mês foi registrado em Jacareí seis assassinatos cujos autores continuam foragidos. “Numa investigação como esta, para prender os autores o tempo é dispendioso diante do que relatei”, explicou o delegado.

Tális Prado Pinto explicou ainda que uma das armas que a Polícia Civil dispõe para localizar estes criminosos são as constantes operações que estamos fazendo por determinação do delegado titular do Deinter 1-São José dos Campos, João Barbosa Filho.

Segundo o delegado Tális, estas operações vêm sendo feitas todos os meses na cidade “e trazendo excelente resultados como a do dia 31 (terça-feira), na qual foram presos 26 homens, todos com prisão preventiva ou mandados decretados pela justiça por crimes praticados que vão desde tráfico de drogas, roubos e homicídios”.

Disse ele que mesmo com um contingente policial civil pequeno, necessitando de escrivães e investigadores, “estamos trabalhando com determinação para que resultados como o desta operação aconteçam”.

Na operação do dia 31/07 (terça-feira) das 7h ás 18h-, 79 pessoas foram investigas; 57 veículos vistoriados (dois apreendidos) e dois flagrantes por tráfico de drogas.

O delegado reiterou a necessidade de a população exigir do Poder público equipamento para monitorar a cidade, pelo menos na região central, palco de vários delitos de furtos e assaltos contra os comerciantes e moradores, explicou.

Reconheceu, também, que o projeto de ampliação da Guarda Civil de Jacareí, com novas instalações em sede própria (praça Luiz Sepúlio Máximo, Parque Santo Antônio), aumento do efetivo, "está nos auxiliando muito no combate à criminalidade na cidade", concluiu o delegado Tális Prado Pinto

 
 
 
 
Compartilhe:

 


Comentários:

 

Alternative content

Resolução Mínima de 1024x768 | © Jornal de Jacareí - 2016